Spider-Verse ganha uma versão gay do Homem-Aranha

A publicação de Edge of Spider Verse #5 será em setembro pela Marvel

Mais representatividade na Marvel! Pela primeira vez, um Homem-Aranha Gay será introduzido na mitologia dos quadrinhos. Essa versão alternativa do herói aparecerá na revista Edge of Spider-Verse #5.

Leia mais: Fã bate recorde mundial ao assistir Homem-Aranha 3 por 292 vezes

Nessa versão, o personagem por trás do herói é um estilista sem intenção nenhuma de ser discreto, que trabalha para a Van Dyne. Ao ganhar os poderes de aranha, irá mostrar uma versão bem diferente do herói que já conhecemos.

Quem criou esta nova versão foi o roteirista Steve Fox, que chegou a comentar um pouquinho do novo personagem:

“O que eu percebi quando estava criando este personagem é que ele não pode – e nem deve – representar todos os homens gays. Nenhum personagem, sozinho, conseguiria. A identidade destemidamente afeminada do Web-Weaver é parte de quem ele é, mas não é a história completa dele”.

A criação do visual do herói ficou por conta de Chris Anka, que revelou suas inspirações nos designs de Alexander McQueen e Thierry Mugler. O traje é super fashion – não é para menos, já que o personagem é estilista – e uma palhinha dele foi divulgada na conta do Twitter do artista.

O multiverso de Homem-Aranha já conta com diversas versões do herói, como o Caçador-Aranha, criado por Mark Bagley, o Aranha-Escocês, co-criado por Martin Coccolo e a Aranha da Noite, que foi criada por Kris Anka. Essa antologia é uma ótima oportunidade para artistas criarem suas versões do herói, uma mais criativa que a outra.

você pode gostar também
Comentários