Amanda Seyfried revela ter sofrido assédio em Meninas Malvadas

O filme quebrou recordes e foi um sucesso de bilheteria, além disso, também agradou à crítica especializada

A atriz norte-americana, Amanda Seyfried, relata que sofreu assédio de um fã após atuar no filme Meninas Malvadas. Em uma entrevista, a atriz revelou que inúmeras pessoas, principalmente os homens mais jovens, chamavam a atriz e faziam algum comentário sobre a cena em que Karen, personagem de Amanda, faz a previsão do tempo apertando os próprios seios.

Leia mais: Amanda Seyfried estará no elenco de The Crowded Room, ao lado de Tom Holland

Eu sempre senti que isso era um pouco nojento. Eu tinha, sei lá, 18 anos de idade. Era simplesmente nojento“, disse a atriz, que completou dizendo que esse foi um dos motivos que fizeram a atriz não morar nas cidades de Los Angeles ou Nova York e decidir residir em uma fazenda no interior dos EUA.

Acho que ser muito famoso muito jovem é péssimo“, definiu. “Faz você se sentir muito inseguro no mundo. Vejo atores muito jovens que precisam ter uma equipe de segurança, e um assistente, e tem o seu mundo virado de cabeça para baixo. É estressante, então eu fugi. Eu pensei: ‘Vamos fazer o contrário disso’“.

Meninas Malvadas foi realizado em 2003 e lançado no ano seguinte. O longa conta a história de uma menina jovem que, no começo do filme, é ingênua e não compreende as maldades da escola, interpretada por Lindsay Lohan, com isso, acaba se envolvendo um grupo venenoso de meninas populares de sua escola, esse grupo é composto por Rachel McAdams, Lacey Chabert e Amanda Seyfried.

A bilheteria arrecadada chegou a cerca de US$ 130 milhões em todo o mundo e acabou se tornando um clássico cult norte-americano.

você pode gostar também
Comentários