O incrível Ghostwire: Tokyo – Review, uma mistura de ação e terror

O novo jogo de Tango Gameworks acaba de chegar para PS5 E PC. Confira detalhes da história deste game imperdível!

O novo jogo da Tango Gameworks, finalmente, está disponível para PS5 e PC. O mestre do terror contemporâneo, feito através do estúdio de Shinji Mikami, pai de Resident Evil. No entanto, a obra de arte não é composta de um terror convencional, mas focado em ação e aventura em Tóquio.

Leia mais: Jogo Agent 64 ganha trailer e mostra muita inspiração em GoldenEye 007

A narrativa inicial está voltada ao jovem Akito que, ao se encontrar engolido por uma névoa misteriosa, se vê possuído por KK, um espirito amigável. Mas, no meio disso tudo, algumas pessoas desaparecem, seus espíritos são deixados para trás de forma vulnerável, mas, sem muita demora, diversas criaturas invadem o cenário caótico em busca de almas.

E o único ser humano vivo neste cenário é Akito. Desesperado, ele corre em direção a localização de sua irmã, a qual se encontra acamada em um hospital, a fim de saber seu paradeiro, inclusive, se foi raptada por Hannya, o responsável pelos acontecimentos medonhos.

Como o próprio nome nos dá a ideia, o vilão fará uso da máscara de Hannya, o demônio japonês. Perdido e sem conhecer os planos malignos – neste caso, você deverá jogar o game para descobrir quais serão as motivações que levarão o demoníaco, Hannya, fazer todas estas coisas – , o game girará em torno do gênero ação e aventura, no entanto, sua narrativa será completamente aterrorizante.

Ao decorrer de Ghostwire, Akito precisará do auxilio de KK para conseguir avançar e compreender de onde veio a névoa, qual é o seu propósito e como destruí-la, além de descobrir como resgatar os espíritos e evoluir suas habilidades.

O mundo do game, inicialmente, não será aberto, mas a medida que ocorrer a purificação dos portões de torii, novas áreas serão desbloqueadas e muitos segredos virão à tona.

Confira o trailer oficial:

você pode gostar também
Comentários