Mais de 100 pessoas são presas após torneio ilegal de PUBG Mobile

O PUBG é um jogo eletrônico desenvolvido pela PUBG Corporation, em formato multiplayer

Mais de 100 pessoas foram presas pela polícia de Bangladesh após participarem de uma competição de PUBG Mobile. Quem divulgou estas informações foi o site Ogro News, entenda o motivo disso acontecer.

Leia mais: Entenda por que “Resident Evil” se chama “Biohazard” no Japão

As prisões aconteceram devido a uma lei que proíbe o game no país, que se tornou ilegal desde agosto do ano passado. Entre os presos, estavam organizadores do evento e os participantes da competição.

Segundo informações, 24 pessoas do grupo foram sentenciadas a dois dias de prisão, além disso, 72 das pessoas estão tendo suas idades verificadas, para caso tenham mais de 18 anos, receberem a mesma pena do restante do grupo.

A competição estava acontecendo em local público, com rede Lan, vários participantes se deslocaram de outras partes do país para participar do evento, muitos destes eram menores de idade.

O PUBG foi banido junto ao Free Fire de Bangladesh, isso aconteceu em agosto de 2021, após a justiça social local considerar os games como viciantes e incentivadores de personalidades violentas e imorais entre os jovens.

A decisão inicial era que este banimento valeria por apenas três meses e, após este período, o status da lei mudou para “banido por tempo indeterminado”. Esse tipo de banimento aconteceu em outras nações do Oriente Médio e no Sul da Ásia.

O PUBG funciona como um Battle Royale e está disponível nas versões mobile, que pode ser baixado em dispositivos Android e iOS, além de console e PC.

você pode gostar também
Comentários