“Diablo Immortal”: Os jogadores estão insatisfeitos

Após o lançamento do game Diablo Immortal, o Asmongold, passou a dedicar horas de suas lives no game. Confira!

Devido ao recente lançamento do game Diablo Immortal, o streamer e desenvolvedor de conteúdo, Asmongold, passou a dedicar horas de suas lives no game, inclusive, até realizou um cálculo de quanto aproximadamente já havia gastado no jogo.

Leia mais: Hideo Kojima está produzindo game de terror chamado Overdose

Em uma conta secundária na plataforma do YouTube, destinada a criação de clips, o Asmongold publicou uma comparação rápida entre o loot (saque) fornecido em uma dungeon (masmorra) do game com e sem investimento financeiro.

Com menos de um minuto, o resultado já havia surgido: uma grande chuva de loot, incluindo prêmios. O investimento havia sido no valor de US$ 20, aproximadamente R$ 95.

Porém, na hora de conferir o resultado sem o investimento, a diferença foi gritante, pois o jogador não recebeu nada. O que surpreendeu o público foi o tamanho considerável da diferença entre ambos.

O valor pago foi em “crests”, os quais atuam como “modificadores” para o ataque, um método de alavancar o saque que será obtido. No entanto, é evidente que sem a presença dos impulsos o loot seria menor, porém, o que torna a situação assustadora, é o fato de ele conseguir chegar a zero.

É devido a esse tipo de situação que o game “Diablo Immortal” recebe constantes reclamações sobre ser “pay to win” no PvP, ou seja, é necessário pagar para ganhar, além disso, também é acusado de passar dos limites em microtransações.

No entanto, as pequenas transações parecem ter mais problemas no endgame (fim do jogo) e, por essa razão, levou algum tempo para o game começar a receber reclamações em grande escala.

Até o momento, não houve nenhum comentário por parte da Activision Blizzard sobre as possíveis modificações no sistema do game.

você pode gostar também
Comentários