4 Produções semelhantes a Irma Vep que talvez você curta

Dentro do cinema moderno, é difícil encontrar diretores que possam trazer à tona, grandes semelhanças com os clássicos. Confira mais!

Dentro do cinema moderno, é difícil encontrar diretores que possam trazer à tona, grandes semelhanças com os clássicos, por exemplo, The 400 Blows ou My Night at Maud’s. No entanto, Oliver Assayas é um deles.

O diretor é capaz de desenvolver produções que nos remetem aos clássicos, porém, ele não vê os diretores como ídolos, mas antes, faz menção das fraquezas e debilidades do cinema moderno em geral.

Leia mais: Diretor de “Não! Não Olhe!” revela detalhes exclusivos

A ação, que alavancou a popularidade de Assayas nos anos 90, é Irma Vep, uma minissérie que é a prova de que a humanidade consegue se afundar ainda mais. Mas, caso você tenha apreciado produções como essa, protagonizada por Alicia Vikander, temos uma lista que, talvez, você curta. Confira:

1. Irma Vep (1996)

Ainda mais vantajoso do que assistir a um remake, é conferir a obra original. Diante disso, se você curtiu assistir, a refilmagem, irá aproveitar Irma Vep original.

A produção é estrelada por Maggie Cheung, a qual possui o papel de uma atriz chinesa famosa que vai até a França para estrelar uma obra, porém, no final, ela acaba presa em um cenário inesperado.

2. Carlos (2010)

A próxima produção se chama Carlos, uma obra que leva o espectador até o período político da Guerra Fria. A narrativa é voltada para um famoso terrorista venezuelano, o Chacal, de Edgar Ramirez, e sua trajetória para se tornar um lutador da Frente Popular de Libertação da Palestina.

3. Palco Central (1991)

Palco Central conta a história da lenda do cinema mudo chinês, Ruan Lingyu (Cheung). Vinda de uma origem modesta, Ruan Lingyu passa a receber reconhecimento publico, no entanto, infelizmente, ela começa a enfrentar grandes dificuldades em relação às fofocas divulgadas nos tabloides, as quais a ferem de forma esmagadora e impiedosa.

4. Nuvens de Sils Maria (2014)

Tudo dá início quando Maria (Juliette Binoche) acaba aceitando um papel em uma peça que a leva aos holofotes, porém, desta vez, ela não é reconhecida por um papel de uma jovem, mas sim de uma mulher mais velha e desesperada.

Quando, finalmente, entra em concordância com sua idade, ela começa a ensaiar com sua assistente pessoal, chamada Valentine (Kristen Stewart) e percebe que a arte e sua vida deverão andar lado a lado.

você pode gostar também
Comentários