Pacificador: HBO regrava dublagens racistas da série

O personagem Auggie Smith, pai do protagonista, tem fama por falar coisas bem pesadas.

Este texto contém alguns Spoilers

Na série da HBO Max, Pacificador, o pai do protagonista, August “Auggie” Smith (atuado por Robert Patrick) é um senhor assumidamente racista.

Leia mais: Pacificador: episódios tiveram que ser refilmados

As suas falas originais são bem expressivas e “violentas”, mas as dublagens feitas para a versão em português foram suavizadas, o que irritou muito os fãs, que esperam que tudo seria fiel ao conteúdo original.

Sem falar nada, no sigilo, a plataforma de streaming refez as gravações das falas preconceituosas de August. Na série, o pai do Pacificador é senhor extremista que odeia negros, gays, judeus e parcelas da população que não sejam brancos.

Desde o primeiro episódio, é nítido que querem deixar claro qual é o perfil que o Dragão Branco (apelido de Auggie ganhou na cadeia) possui. Nada mais justo, manterem a fidelidade do perfil violento e extremista em suas falas, que quando dubladas, omitiu falas racistas e homofóbicas do personagem, sem motivo aparente.

Quais falas foram trocadas?

No primeiro episódio, o Pacificador (John Cena) pede um dos elmos construídos pelo pai e ele responde: “Se tem a possibilidade de você fazer bom uso disso para se livrar de uns comunistas, pretos, papistas, judeus ou coisa assim, é melhor do que deixar eles parados”.

A dublagem, entretanto, excluiu a palavra “pretos”, trocando por “trapaceiros”. Além disso, substituiu “papistas” por “católicos”: “Se tem a possibilidade de você fazer bom uso disso para se livrar de uns comunistas, trapaceiros, católicos, judeus, é melhor do que deixar eles parados”.

Veja as duas versão no vídeo abaixo:

No restante da série, há ainda outras falas que foram suavizadas, por exemplo:

Ainda no primeiro episódio, o August chama o filho de “nancy boy”, xingamento homofóbico que significa “veadinho”: “Como foi que a porra do meu esperma virou um veadinho como você?”.

Na versão dublada a ofensa foi substituída: “Como foi que a porra do meu esperma se transformou em um fracote que nem você?”.

Quanto a regravar estas falas, notamos que o diálogo do vídeo acima foi uma das únicas, por enquanto. Sabemos que todos esses trabalhos seguem contratos e termos entre a Alcateia Audiovisual e HBO Max, mas por quais outros motivos você acha que eles fazem essas trocas de palavras? Você tem alguma sugestão? Escreve para nós nos comentários!

você pode gostar também
Comentários